+351 253 818 115

Maria Mansa Branco 2019

O Maria Mansa branco 2019 combina a fruta e a frescura proporcionadas pelo carácter único do nosso terroir e das suas castas regionais tradicionais. O vinho mostra-se claro e brilhante, tem um tom bonito com leves nuances cítricas. Aromas intensos com notas destacadas de frutas brancas, tropicais e cítricas. Na boca, o vinho tem uma acidez vibrante com mais notas de aromas cítricos e florais. Apresenta um longo saboroso final de boca

11,00 €
IVA a 13% incluído

Ref. MaMaBranco01


EAN
5601064001092

Capacidade
0,75l

Teor d'alcool
13º

Produtor
Quinta do Noval

Pais de origem
Portugal

Região
Douro

Tipo de produto
Vinho de Mesa Branco

Saúde
Contém Sulfites

Castas
Gouveio, Rabigato, Viosinho

Descrição

VINIFICAÇÃO:- 90% do vinho foi fermentado em cubas inox e 10% do vinho foi fermentado em barricas de carvalho francês usadas, por um período de 20 dias. Não é feita a fermentação maloláctica.

ENVELHECIMENTO - 90% do vinho foi envelhecido em cubas inox, para conservar a pureza aromática e 10% foi envelhecido em barricas de carvalho francês usadas, com bâtonnage uma vez por semana durante 3 meses.

Informação Complementar

Produtor | Quinta do Noval : apareceu pela primeira vez em registos no ano de 1715. A história da Quinta do Noval é marcada pela ação de visionários. António José da Silva, comerciante de Vila Nova de Gaia adquiriu a Quinta do Noval em 1894 depois de esta ter sido devastada pela filoxera. Reestruturou a propriedade replantando as suas vinhas.

Luiz Vasconcelos Porto, seu genro, foi o autor de um vasto conjunto de inovações, transformou os antigos socalcos estreitos em socalcos mais largos, que são característica distintiva da Noval, com as suas escadas caiadas de branco. Estes socalcos permitem uma utilização mais eficiente do solo e uma melhor exposição solar, tendo sido considerados revolucionários na altura.

A Quinta do Noval ganhou reputação com a declaração do 1931 Quinta do Noval Porto Vintage e o 1931 Quinta do Noval Nacional Porto Vintage, que são provavelmente os Vinhos do Porto que mais sensação causaram durante o século XX. Nesse ano, devido à recessão mundial e à enorme produção e distribuição do Vintage de 1927, a maioria dos produtores não declararam Vintage. O sucesso obtido estabeleceu a Quinta do Noval entre os grandes nomes do vinho do Porto Vintage no mercado Inglês e norte-americano, uma posição de liderança em termos de reputação, que ainda hoje mantém.

A Quinta do Noval faz parte do grupo vinícola internacional AXA Millésimes desde 1993. 

Uma nova linha de engarrafamento e um armazém foram concluídos em Alijó, próximo do Pinhão, em 1997. Este projeto tornou a Quinta do Noval a primeira das casas tradicionais de vinho do Porto a centralizar todas as atividades no Douro.

 

Nos anos 90, uma centena de hectares da propriedade foram replantados, adaptando os métodos de poda às necessidades de cada parcela. Atualmente, possuímos uvas de elevada qualidade que, por um lado, garantem a excelência dos vinhos do Porto da Quinta do Noval e, por outro lado, a produção dos vinhos do Douro desde 2004.